O Ministério da Saúde instituiu o Prémio Francisco George, cujo objetivo é distinguir trabalhos e estudos de investigação, inéditos e inovadores, em temas de saúde pública de relevante interesse e impacto para a defesa da saúde pública.

Apenas serão admitidas as candidaturas entregues até 31 de agosto que reflitam trabalhos e estudos de investigação inéditos, ou seja, todos aqueles que até à data da sua apreciação pelo júri não tenham sido previamente publicados ou premiados em concurso por outra entidade.

Será atribuído um prémio no valor de 5 mil euros, sendo que o júri pode atribuir também um máximo de duas menções honrosas.

O júri é presidido por Alexandre Vieira Abrantes, professor da Escola Nacional de Saúde Pública, e conta também com Sérgio David Lourenço Gomes, da Direção-Geral da Saúde, e Sílvia Cristina Ribeiro Silva, técnica de saúde ambiental da Administração Regional de Saúde do Norte.

Critérios de seleção

Será tido em conta o caráter de originalidade, excelência, aplicabilidade ou utilidade futura, a possibilidade da sua replicação, e a sua relevância e impacto na defesa da saúde pública.

O prémio será atribuído no Dia Mundial da Saúde.

Consulte os documentos de candidatura em http://www.sg.min-saude.pt/sg/conteudos/premio+fg/premio.htm

Comments are closed.